in ,

3 curiosidades de informática que você precisa saber

3 curiosidades de informática que você precisa saber

A informática é uma área ampla que envolve diversos processos, como montagem de computadores, realização de testes em softwares, dentre muitos outros.

Também estamos falando de um setor muito importante para as empresas, e a tendência é que essa área esteja cada vez mais ligada a todos os processos que envolvem o cotidiano das pessoas e organizações.

Sua finalidade também é vista como um modo de aprendizagem, e sua ação na sociedade vem aumentando rapidamente.

Por isso, nenhuma organização consegue ficar sem o auxílio da informática, pois ela é a base tecnológica para muitas questões dentro e fora de um ambiente empresarial.

Tudo porque vivemos na era da informação, trazida pelo avanço tecnológico na transmissão de dados e das novas facilidades de comunicação.

Seu maior fruto é manter pessoas informadas e empresas aperfeiçoando seus processos nos mais variados setores, como no caso da automação industrial.

Pelo fato de ela estar presente em quase tudo o que consumimos e em praticamente todas as ações das organizações, o número de pessoas que se interessam por esse mercado de atuação aumenta gradualmente.

Pensando nisso, vamos falar sobre as possibilidades de atuação profissional e trazer algumas curiosidades da área da informática. Acompanhe!

Profissional de informática: áreas de atuação

É difícil imaginar uma organização que não tenha se informatizado e que não dependa de máquinas, equipamentos e softwares, afinal, a informática é parte do cotidiano de pessoas e empresas.

Ela também é um fragmento da maneira como nos comunicamos e acessamos informações, tanto na vida pessoal quanto na profissional.

Quem trabalha com informática pode atuar em uma fabricante de tinta térmica para telhado e outras de diferentes nichos e tamanhos, tais como:

  • Indústrias;
  • Comércios;
  • Serviços;
  • Setores públicos;
  • Terceiro setor.

São muitas as atividades na área, e cada uma pode exigir uma qualificação diferente. Algumas que um profissional de informática pode atuar são:

1 – Suporte técnico

As empresas utilizam muitos equipamentos tecnológicos, de acordo com suas necessidades, e por isso, cuidar de sua infraestrutura é fundamental.

O suporte técnico é uma das principais atividades que os profissionais de informática exercem neste caso. 

Eles são responsáveis por manter o bom funcionamento dos equipamentos, fazer manutenção de sistemas e treinar os usuários.

2 – Administração de redes de computadores

Esse profissional administra a rede de computadores de uma empresa, como uma fabricante de registro gaveta 50mm, configurando os equipamentos para que operem conectados uns aos outros.

É o responsável por desenvolver projetos, instalar e administrar recursos, além de melhorar a conectividade da organização como um todo.

3 – Programação ou Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Esta área consiste em criar uma série de instruções que executam diferentes sequências de ações. São comandos que precisam ser escritos em modelos específicos, conhecidos como “linguagem de programação”.

Aqui, atuam profissionais que desenvolvem softwares para computadores, aplicativos, plataformas de comércio eletrônico, websites, jogos de videogame, entre outros.

4 – Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico

A indústria tecnológica está cada vez mais preocupada em ser inovadora, podendo lançar novos produtos no mercado. 

Os profissionais de informática que desenvolvem pesquisas científicas são muito valorizados nesse ambiente.

Além de poderem atuar em empresas, como no caso de uma fabricante de serra copo granito e as do setor tecnológico, também são capazes de atuar em universidades.

5 – Hardwares e Periféricos

Os equipamentos precisam evoluir, assim como os softwares e sistemas, pois eles precisam suportar as novas versões.

Portanto, é de extrema importância que o desenvolvimento e construção de hardware (computadores) e seus periféricos, como mouse, teclado, impressora, entre outros, acompanhem toda a evolução.

6 – Informática biomédica

Esta área se aplica à prática da biociência, tais como pesquisas médicas, biológicas, indústria farmacêutica, além de fabricantes de equipamentos médicos e hospitalares, laboratórios e empresas que gerenciam instituições de saúde.

7 – Tecnologia da Informação (TI)

Considerado uma das áreas mais conhecidas, o TI utiliza sistemas informatizados para realizar atividades voltadas à obtenção, armazenamento, gerenciamento, processamento e acesso de dados.

Esses recursos são utilizados em diferentes setores da economia, como no caso de uma fabricante de rótulos adesivos para alimentos, e transformam dados em informações úteis para seus usuários.

Os profissionais dessa área podem ocupar posições estratégicas dentro de uma empresa, como na gestão de patrimônio tecnológico, além de poderem gerenciar pessoas, recursos, projetos, além de apoio na tomada de decisões relacionadas ao seu ramo de atuação.

7 - Tecnologia da Informação (TI)

Como se preparar para atuar na área?

Seja para trabalhar em uma empresa fabricante de hidrante industrial ou qualquer outra, é necessário que o profissional se prepare. 

Para isso, existem inúmeros cursos disponíveis no campo da informática.

Estes vão desde cursos livres e gratuitos até pós-graduações. Também existem os cursos tecnológicos com duração de, em média, dois anos, conhecidos como tecnólogos, e os bacharelados com duração de 4 anos.

Dentre os cursos de graduação ideais para quem quer ingressar na área podemos citar:

  • Informática;
  • Engenharia da Computação;
  • Ciências da Computação;
  • Sistemas de Informação;
  • Tecnologia da Informação.

Depois que o candidato à profissão decidir por onde vai começar, ou seja, qual graduação ou curso fará, é necessário verificar a idoneidade da instituição e se o curso oferecido é reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

Curiosidades e tabus sobre a área

Assim como qualquer outra profissão, a área de informática também tem suas curiosidades. Por exemplo, acredita-se que o desenvolvimento de software e a infraestrutura e consultoria em TI são áreas complementares.

Isso acontece porque elas podem ser realizadas pelo mesmo profissional, no entanto, são áreas de atuação distintas. 

O que pode causar a impressão de que uma empresa de controle de acesso precise de profissionais diferentes para essas atividades.

Esse tabu, que se transforma em equívoco, só gera gastos para a organização, uma vez que ela pode ter o mesmo profissional para as duas necessidades. Além disso, outras curiosidades que podemos destacar são:

1 – Déficit de profissionais de redes de computadores no Brasil

De uns anos pra cá, as empresas têm investido cada vez mais em conectividade, o que acabou abrindo um vasto campo de trabalho para esses profissionais.

Só que também causou um déficit muito grande de pessoas capacitadas para atuar com redes de computadores, ou seja, sobram vagas e faltam profissionais.

Além da formação, as organizações também buscam profissionais com certificações em sistemas de conexão e equipamentos, portanto, profissionais aptos a trabalharem com hardwares e softwares; uma dica para quem quer começar com o pé direito.

2 – Computação em nuvem e mobilidade

A computação em nuvem é uma tecnologia usada por empresas de diferentes setores, como no caso de uma grande fabricante de estante escritório.   

Trata-se de um tipo de computação que compartilha recursos físicos e virtuais, ao invés de implantar equipamentos e sistemas internamente.

Dessa forma, os dados podem ser acessados pelos colaboradores aonde quer que estejam e por meio de qualquer dispositivo, bastando, para isso, acesso à internet e a chave de acesso.

Isso trouxe muitas mudanças para quem trabalha com redes de computadores, afinal, as redes podem ser compartilhadas entre matriz, filiais e parceiros de uma fabricante de persiana escritorio, por exemplo.

Uma mudança que trouxe muitas facilidades e gestão e criação aos profissionais de informática, principalmente no que diz respeito à segurança da informação.

3. Internet das Coisas (IoT)

Outra curiosidade é o fato de que a Internet das Coisas ampliou o conceito de rede e passou a gerar mais oportunidade para os profissionais de informática.

Objetos das mais variadas formas podem se conectar à internet, desde tênis, móveis e canetas, até os aparelhos mobiles, como celulares que podem controlar uma casa inteira.

No entanto, quanto mais itens estiverem conectados, mais segura e complexa se torna a rede. Dessa forma, os profissionais de informática estão se tornando cada vez mais indispensáveis no mercado de trabalho.

Isso porque a Internet das Coisas tem sido adotada pelas empresas, para otimizar seus processos e trazer mais facilidades para o seu dia a dia. 

E não são somente para as empresas que aplicam essa tecnologia, mas também as residências.

3. Internet das Coisas (IoT)

Conclusão

Se tem algo que nunca mais vai sair da vida das pessoas e das organizações é a tecnologia. Ela está intrinsecamente atrelada à informática, que se tornou a base de funcionamento de qualquer tipo de negócio.

Naturalmente, isso passou a exigir que cada vez mais profissionais se coloquem à disposição do mercado, nas mais variadas áreas de atuação, como as que mencionamos neste artigo.

Portanto, quem deseja atuar em um mercado promissor e cheio de possibilidades deve apostar na informática. Uma profissão compensadora e que só tende a crescer com o passar dos anos.

Os profissionais dessa área têm uma vasta gama de possibilidades, podendo até mesmo escolher aquela empresa que oferecer o melhor ambiente de trabalho e remuneração.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você gostou?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

Como trabalhar com a área de turismo cultural

Turismo cultural: tudo que você precisa saber

8 curiosidades sobre o Turismo Cultural

8 curiosidades sobre o Turismo Cultural