in

5 dicas para falar em público

5 dicas para falar em público

Falar em público pode ser o medo de muitas pessoas, e ele pode aparecer por diversas razões, como timidez, insegurança e até alguma experiência negativa anterior.

O fato é que todos nós, em algum momento, vamos precisar fazer isso, seja na escola, no trabalho ou até em um evento de família. Imagine, por exemplo, se pedem para você fazer um discurso em sua festa de aniversário surpresa?

Até momentos simples como esse podem ser assustadores para aqueles que têm medo de falar em público. Mas superá-lo é importante, pois assim estaremos preparados para estabelecer uma boa comunicação.

Algumas profissões, como palestrantes e professores, dependem da habilidade do profissional de falar em público. Imagine se uma professora tivesse esse medo? Como poderia dar aula ou ministrar uma reunião de pais?

Pessoas que estão na faculdade, constantemente, precisam apresentar trabalhos e seminários, sem contar a defesa da tese de conclusão. Como fazer isso se temos medo de falar em público?

Como você viu, ele pode ser até mesmo prejudicial em vários momentos da vida, então chegou o momento de superá-lo para alcançar novos objetivos. Neste artigo, vamos dar algumas dicas valiosas para se sair bem ao falar em público. Acompanhe a leitura!

A importância da comunicação

Todos nós precisamos nos comunicar, afinal, é dessa forma que expressamos o que sentimos, o que sabemos, nossas necessidades, etc. Aliás, não existe outra maneira de compreendermos o próximo, se não pela comunicação.

Ela é o que nos diferencia de outros seres e, apesar de algumas espécies de animais terem algum tipo de comunicação, nada se compara à maneira como o ser humano faz isso.

Podemos conversar, mas também usar um bloco personalizado 10×15 para escrever um comunicado. Desde o início dos tempos e da evolução da espécie humana, a comunicação vem nos ensinando a viver e a sobreviver.

Com ela, identificamos perigos, oportunidades e também desenvolvemos tudo o que precisamos para facilitar o dia a dia.

Seja em família ou dentro de uma empresa, nós só conseguimos construir relacionamentos porque nos comunicamos. Portanto, comunicar-se é a base para prosperar em diversas esferas da vida.

Na vida pessoal, nós conseguimos levar até o próximo tudo aquilo que é importante, como:

  • Informações;
  • Desejos;
  • Ideias;
  • Fatos.

Quem não consegue se comunicar, acaba ficando de fora do círculo social que nos mantêm ativos. Até por isso, existem as línguas faladas pelas pessoas surdas e textos escritos em braile para que os cegos possam se comunicar também.

Então, tanto a comunicação verbal como a não verbal importam. Por exemplo, antes de o telefone existir, as pessoas usavam envelopes pequenos para enviar cartas, assim, podiam falar com quem estava longe.

As placas de trânsito são outro exemplo, filmes mudos, desenhos, mímica e outros também são formas de estabelecer uma comunicação.

Com relação à vida profissional, ela também é importante e pode impactar a vida das pessoas de muitas maneiras. Se for bem estabelecida, conduz melhor os negócios, promove crescimento e traz novas oportunidades.

No ambiente escolar, a boa comunicação é o que possibilita a compreensão dos conteúdos por parte dos alunos, tanto durante a explicação do professor, quanto na leitura de um livro, apostila, entre outros.

Em todas essas esferas, em algum momento, teremos que nos comunicar amplamente, ou seja, para um número maior de pessoas.

É uma situação que aflige muitas pessoas, principalmente se precisam fazer uso de microfone ou equipamentos de som para festa completo. Quando se trata de falar em público, algumas pessoas travam e simplesmente não conseguem colocá-los em prática.

Em compensação, outras podem se sentir à vontade e se saem muito bem. Seja em público ou de maneira pessoal, a comunicação precisa seguir alguns critérios para ser bem-sucedida, tais como:

  • Falar de maneira simples e objetiva;
  • Confirmar se o interlocutor entendeu;
  • Ser assertivo;
  • Ser conciso;
  • Ter uma boa linguagem;
  • Ter vocabulário vasto;
  • Colocar-se no lugar do outro.

Esses critérios são importantes no dia a dia, dentro de uma escola particular integral, no trabalho, com a família etc.

Só que, como dissemos anteriormente, em algum momento terão de passar por isso, e existem algumas estratégias que podem ajudar, como apresentaremos no tópico a seguir.

A importância da comunicação

Dicas para falar melhor em público

Apesar de ser um momento que deixa muitas pessoas ansiosas e inseguras, algumas estratégias simples podem ajudar, tais como:

1. Saber quem é o público

Tirando aqueles momentos em que somos pegos de surpresa, como os discursos em festas de aniversário e casamento, falar em público permite conhecer quem fará parte dele com antecedência.

Se você sabe com quem vai falar, fica mais fácil encontrar as palavras certas, o tom de voz ideal e outras táticas que melhoram a comunicação. Por isso, verifique quem vai estar na plateia.

Por exemplo, universitários que farão a defesa de uma tese no final do curso sabem que a banca é formada por professores e alguns convidados.

Esse momento exige uma linguagem mais culta e até alguns termos técnicos, a depender do curso e do que será apresentado. Esse conhecimento prévio diminui o nervosismo, traz mais confiança e você poderá usar um microfone sennheiser e906 sem intimidações.

2. Traçar um roteiro

Mesmo conhecendo bem o assunto que você vai falar, ter um roteiro em mãos facilita a apresentação de uma ordem cronológica do assunto.

Por exemplo, neste artigo, nós falamos primeiro sobre a importância da comunicação e, agora, você está acompanhando essas dicas.

Trace um roteiro para abordar o assunto e não tenha vergonha de ter uma “cola” na hora de falar. Se você anotar os tópicos, poderá segui-lo sem se perder. Isso o deixará mais confiante e a plateia vai absorver melhor o conteúdo.

3. Ensaiar previamente

Você sabia que, constantemente, muitas pessoas que falam em público ensaiam antes? Por exemplo, aquele diretor de marketing que vai apresentar seu novo projeto de campanha de divulgação de sistemas de alarmes comerciais se preparou com antecedência.     

Você pode fazer isso quantas vezes quiser, em frente ao espelho. Aliás, as duas dicas anteriores podem te ajudar a ter um desempenho melhor nos ensaios.

Quando achar que está perfeito e se sentir confiante, peça para alguém avaliá-lo, como esposa, marido, pai, mãe etc. Uma pessoa de sua confiança será sincera e dirá se precisa melhorar, se entendeu o que você disse, entre outros aspectos.

4. Usar ferramentas de apoio

Existem muitas ferramentas que você pode usar para falar melhor em público. Por exemplo, se for dar sua primeira aula de jazz para iniciantes e estiver um pouco nervoso, use um bom equipamento de som e um bom microfone.

Você também pode usar vídeos que exemplificam sua explicação e mostre aos alunos alguns movimentos. Outros equipamentos também muito usados são os projetores.

Se o seu caso for algo mais teórico, como uma palestra, monte uma apresentação em slides bem criativa e apresente-a enquanto estiver conversando com o público.

Além de você conseguir seguir um roteiro mais detalhado, terá o apoio de uma ferramenta que facilitará o entendimento do público.

4. Usar ferramentas de apoio

5. Dominar o conteúdo

Explicar um assunto que você não domine para uma única pessoa já é difícil, agora, imagina fazer isso para 10, 20, 30 pessoas ou mais?

Para falar bem em público, precisamos dominar bem o assunto que vamos abordar, uma vez que, por melhor que seja a sala para palestra que você vai usar, se não souber do que está falando, fica difícil estabelecer uma boa comunicação.

Independentemente de você ser ou não um especialista, é sempre bom estudar todo o conteúdo antes para reforçar pontos e ideias importantes.

Pautas muito complexas exigem um cuidado e atenção ainda maiores com os detalhes. Se você dominar quase 100% do que vai falar, se sentirá mais seguro e falará com as pessoas muito melhor.

Lembre-se de que um dos maiores medos de quem tem receio de falar em público é esquecer o que estava falando ou causar a impressão de não conhecer o conteúdo.

Quando nos sentimos seguros e sabemos que temos autoridade em determinada pauta, as chances de nos enrolarmos e perdermos o fio da meada são muito menores.

Conclusão

Ao longo da vida, nós usamos a comunicação para tudo, desde nosso primeiro choro até as últimas palavras ditas. Nesse caminho todo, muitos momentos podem exigir uma comunicação em massa, para um número maior de pessoas.

Se esses momentos exigem isso, é porque, de alguma forma, eles são importantes para a vida, para alcançar um determinado objetivo. Precisamos estar preparados para eles, afinal, é assim que vamos evoluindo em diferentes esferas.

Quem consegue se comunicar em público leva suas ideias a um número maior de pessoas, e em muitos momentos isso mudou a sociedade e a vida das pessoas.

Seguindo as nossas dicas, com certeza você terá um desempenho muito melhor ao falar em público e conquistará a sua plateia.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você gostou?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

Saúde mental a importância de ter

Saúde mental: a importância de ter

6 dicas para passar em um concurso público

6 dicas para passar em um concurso público