in , ,

A importância das sonecas e quando acontecem as transições+

O que acontece se o bebê não dormir de dia

O que acontece se o bebê não dormir de dia?

Muitas vezes damos mais importância ao sono noturno do que aos cochilos. Porém, até 3 anos, os cochilos são extremamente importantes para o desenvolvimento físico, motor e cognitivo da criança.

Dormir de dia, também influencia no crescimento, no fortalecimento do sistema imunológico, na consolidação da memória além de obviamente, descansar a criança.

Uma criança mais descansada certamente come melhor, chora menos, é mais sociável, absorve e aproveita melhor as brincadeiras e provavelmente terá um sono noturno mais tranquilo do que crianças que pulam os cochilos.

Quando uma criança não dorme pelo tempo necessário durante o dia, acontece o que chamamos de efeito vulcânico, ou seja, uma explosão de nervosismo e choro (que pode ser confundido com dor, fome ou qualquer outro motivo, mas na verdade, estamos tratando apenas com a falta de sono).

O efeito vulcânico na verdade é um efeito. A causa, é um erro na rotina, um tempo acordado maior do que o necessário.

De noite temos melatonina, silêncio, escuridão. Mas o que faz a criança dormir de dia? A pressão de sono. 

Essa pressão de sono vai aumentando conforme as horas passam, e se a criança não dormir, o corpo começa a produzir mais hormônio de vigília do que o necessário (para se manter acordado).

O que acontece é que o hormônio de vigília, é o mesmo do stress – o cortisol.

O resultado de tudo isso, é uma criança irritada, pais e cuidadores cansados, e um fim de dia devastador.

Para que isso não aconteça, a dica que damos aqui é observar a janela de sono da criança (ou seja, o tempo que ela consegue ficar acordada sem entrar nesse nervosismo extremo) e os sinais de sono da criança.

A partir dos 4 meses, já é possível observar algum padrão na rotina alimentar e também na de sono dos bebês. 

Geralmente nessa idade, desde que tenham nascido a termo, as crianças começam a fazer 3 cochilos por dia, e regulam as mamadas entre 3 e 4 horas de intervalo.

Então nossa dica aqui é fazer anotações. Seja um detetive do seu filho.

Anote a hora que dorme, por quanto tempo, e quais foram os sinais que seu bebê apresentou antes de cochilar.

Isso já te fornecerá dados muito importantes para ajustar o sono do dia: quais são os sinais de sono do seu filho e também uma ideia de todas as janelas de sono que ele tem durante o dia.

O que acontece se o bebê não dormir de dia

Lembramos que estas janelas não são fixas. Elas podem mudar conforme o passar do dia, e geralmente da hora que a criança acorda, até o primeiro cochilo, é o menor intervalo que ela fica acordada.

Para quem tem dificuldade com o sono do dia, além dos ajustes da janela de sono e observação dos sinais, queremos deixar algumas dicas:

– Faça um ritual antes de cada cochilo. Isso vai mostrar para a criança que é hora de dormir e ela pode relaxar mais;

– Evite uso de telas antes do sono (1 hora antes dos cochilos pelo menos);

– Deixe o ambiente agradável para o sono (luz baixa / penumbra, temperatura amena, pouco barulho);

– Tenha estímulos durante o dia. Além da pressão de sono, seu filho precisa estar ao menos cansado para aceitar que vai dormir;

– Exponha seu filho a atividades externas. A luz natural ajuda no sono;

– Se possível, sempre tente que seu filho inicie a soneca já no local que ele irá dormir – por exemplo, no berço. Se a criança adormece no colo, ela pode acordar na hora de ser passada para outro local;

– A soneca não precisa necessariamente acontecer no berço. A criança precisa estar em segurança, mas tudo bem se acontecer em um colchão no chão ou no carrinho (desde que esteja deitado);

– Atividades na água também são excelentes condutores de sono. Se possível, pratique!

Além de todas as dicas que demos, observar o momento de diminuir o sono do dia é importantíssimo para não ter muito trabalho com os cochilos.

Se você tem uma rotina adequada, faz rituais relaxantes, consegue incluir estímulos durante o dia, tem atividades externas, cuida do ambiente, ou seja, já fez seu check list todo, mas seu filho luta demais para entrar no sono, pode ser que a necessidade de sono diurna dele esteja diminuindo.

Então é hora de cortar um cochilo, e adequar novamente a rotina.

Na tabela abaixo, você vai saber a idade aproximada em que as transições acontecem, lembrando que é apenas um guia, e você deve observar as necessidades do seu filho.

Para finalizar, lembre-se de que fazer seu bebê dormir durante o dia pode ser mais difícil do que no sono noturno. Além disso, é normal ter grandes alterações nos cochilos durante as regressões de sono, porque a criança adquire novas habilidades e quer praticar os novos aprendizados. 

Lembre-se de que, para um bom sono noturno, seu filho precisa descansar durante o dia, ou seja, não caia na armadilha de pular sonecas na esperança de que ele durma mais de noite, porque o efeito pode ser completamente o contrário.

Você gostou?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

5 curiosidades sobre a aromaterapia 

5 curiosidades sobre a aromaterapia 

Reputação digital construa sua imagem de forma positiva na internet

Reputação digital: construa sua imagem de forma positiva na internet