in ,

A importância do curso NR 35

A importância do curso NR 35

O curso em NR 35 é uma capacitação profissional importante para garantir a segurança e a produtividade no ambiente de trabalho.

Muitas empresas precisam capacitar suas equipes para preparar os profissionais que vão trabalhar em altura, e é o curso de NR 35 que orienta essas pessoas.

Além de ensinar aqueles que estão começando agora, esse treinamento também é importante para a reciclagem dos profissionais mais velhos. Ele traz informações indispensáveis para a capacitação do trabalho em altura.

De acordo com a norma regulamentadora 35, mais precisamente em seu item 12, o trabalho em altura é qualquer atividade realizada acima de 2 m do nível inferior, aumentando os riscos de queda dos trabalhadores.

Até mesmo se um pintor usar uma escada de mais de 2 m para pintar determinada parte da construção, está realizando um trabalho em altura, por isso, precisa conhecer a NR 35.

Garantir a segurança dos profissionais e permitir que eles tenham conhecimento sobre as tarefas que realizam e o modo correto de realizá-las, é a melhor maneira de evitar acidentes.

Neste artigo, vamos explicar um pouco sobre o curso de NR 35 e falar um pouco sobre sua importância. 

O que é o curso NR 35?

O curso de NR 35 está relacionado à Norma Regulamentadora número 35, que estabelece alguns requisitos de proteção em atividades profissionais realizadas em altura, que vão desde o planejamento até a execução das tarefas.

A certificação sobre esta norma é a melhor maneira de capacitar os profissionais em relação às técnicas, manuseio e uso de equipamentos de proteção individual que garantem a segurança de trabalhos muito acima do nível do solo.

Por exemplo, se uma empresa de construção civil oferece esse treinamento à equipe responsável pela instalação de sacada de vidro retrátil, consegue evitar diversos acidentes de trabalho, como:

  • Quedas de trabalhadores;
  • Quedas de ferramentas;
  • Fatores meteorológicos;
  • Fatores ambientais.

Desse modo, fica mais fácil garantir a segurança de todos os envolvidos, de maneira direta ou indireta, em relação ao modo como os trabalhos em altura vêm sendo realizados.

Aliás, o profissional só pode ser considerado apto para trabalhar em altura se for submetido ao curso teórico e prático, com carga horária mínima de 8 horas e com conteúdo programático.

Esse curso inclui normas e regulamentos do trabalho em altura, ensina o aluno a analisar o risco e condições impeditivas, mostra quais são os riscos potenciais desse tipo de trabalho e como prevenir acidentes.

Também mostra sistemas, procedimentos e equipamentos de proteção coletiva, equipamentos de proteção individual ideais para o trabalho em altura e de que maneira devem ser selecionados, inspecionados e conservados.

Uma empresa de terceirização de serviços gerais que realiza trabalho em altura também deve oferecer esse curso para mostrar os tipos de acidentes que podem acontecer e as condutas que os profissionais devem adotar em situações de emergência.

O público-alvo do curso é formado por engenheiros, técnicos de segurança do trabalho, profissionais de trabalho em altura e aqueles que lidam com a segurança deles.

O que é o curso NR 35?

Em linhas gerais, qualquer função que precise de plataformas e andaimes, manutenção de fornos e caldeiras, montagem e desmontagem de estruturas, construção civil, dentre outros, precisam desse curso.

De acordo com o item 3.1 da NR 35, a responsabilidade por fornecer esse treinamento é totalmente do empregador. 

Além do curso, também é muito importante que sejam submetidos a testes que certificam seus conhecimentos.

Ainda mais, pode haver a necessidade de reciclagem, que deve ser realizada a cada 2 anos, com uma carga mínima de 8 horas.

Também pode ser necessário oferecer o curso se houver algum tipo de mudança nos procedimentos e operações de trabalho ou por conta de qualquer evento que indique a necessidade do treinamento.

Uma empresa de limpeza em altura também pode oferecer o curso quando um colaborador está voltando de afastamento de trabalho por período maior do que 90 dias, ou por conta de qualquer tipo de mudança na empresa.

O curso deve ser realizado por profissionais e empresas capacitadas, pois somente eles saberão como seguir as recomendações do Ministério do Trabalho.

Importância do curso de NR 35

Como falamos anteriormente, a função da NR 35 é estabelecer requisitos mínimos para proteger o trabalho em altura. Toda e qualquer função realizada acima de 2 m do nível inferior é considerada uma atividade em altura.

Nesse sentido, a norma faz o planejamento, organização e execução das atividades, de modo a garantir a segurança dos trabalhadores, que podem se envolver direta ou indiretamente nesse tipo de trabalho.

O objetivo proposto é reduzir o número de acidentes, por isso, uma empresa de instalação de tela sacada apartamento deve oferecer treinamento e capacitação, além de equipamentos de proteção individual, acessórios e sistemas de ancoragem.

Também é importante contratar uma equipe de emergência, mas para evitar que ela entre em ação, nada melhor do que o curso sobre NR 35.

Ele é importante porque assegura a realização da AR (Análise de Risco), além da emissão da Permissão de Trabalho (PT).

Ajuda a desenvolver procedimentos operacionais para as atividades do dia a dia que costumam ser realizadas em altura.

O curso também prepara os profissionais para que sejam capazes de fazer uma análise prévia das condições do local de trabalho.

Esse processo é feito por meio de estudo, planejamento e implementação de medidas de segurança.

Também a NR 35 garante as providências para que as partes cumpram com todas as medidas de proteção estabelecidas por ela, tanto os colaboradores quanto a companhia em si.

Ao oferecer esse treinamento aos seus funcionários, uma empresa de impermeabilização laje descoberta leva informações importantes sobre os riscos e medidas de controle.

Também é uma forma de garantir que qualquer trabalho só seja realizado depois que todas as medidas da NE 35 sejam devidamente adotadas.

O curso também suspende trabalhos em altura quando a situação apresenta condições de risco que não podem ser eliminadas.

A companhia aprende a criar uma sistemática de autorização dos profissionais que vão realizar trabalho em altura.

Também é uma forma de garantir que tudo seja feito sob supervisão, e que esta tenha o formato adequado aos riscos apresentados, além de ser compatível com as peculiaridades da tarefa.

O treinamento também garante a organização e o arquivamento de todos os documentos exigidos pela NR 35.

Importância do curso de NR 35

A própria norma determina que o responsável pela capacitação deste treinamento é o empregador, portanto, um escritório especializado, por exemplo, em projeto de prédio comercial, precisa oferecer esse curso.

O treinamento deve misturar aulas práticas e teóricas, ter carga mínima de 8 horas e deve ser realizado dentro do expediente de trabalho.

Também é importante que esse treinamento trabalhe normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura.

Quem executa essa atividade precisa saber muito mais do que maneiras de se proteger no dia a dia de trabalho.

Conhecer normas e regulamentos embasa usar argumentos que convencem esses profissionais sobre a postura que precisam adotar quando estiverem trabalhando.

Outra razão que ressalta a importância desse curso é que ele ensina os treinandos a fazerem uma análise de risco e condições impeditivas.

Se a temperatura ou então as condições climáticas não estão favoráveis ao trabalho, os próprios colaboradores precisam identificar isso.

O curso também mostra riscos potenciais desse tipo de trabalho e quais são as medidas e prevenções necessárias para controlar essa situação.

Os colaboradores de uma empresa de impermeabilização de fachada de prédio aprendem a usar sistemas, procedimentos e equipamentos de proteção coletiva.

Obviamente, também é por meio desse curso que eles aprendem a usar os equipamentos de proteção individual.

Isso é importante porque os profissionais precisam saber selecionar o que devem usar, inspecionar as condições do equipamento, ver como está seu estado de conservação e até mesmo como limitar seu uso.

O curso mostra alguns acidentes que podem acontecer durante esse tipo de atividade profissional, e os trabalhadores da área precisam conhecer esses riscos justamente para poder evitá-los.

Por fim, aprendem a se comportar em situações de emergência, noções de primeiros socorros e como fazer resgates de colegas de trabalho acidentados.

Considerações finais

Portanto, toda empresa, como uma de reforma de ponto comercial, precisa cuidar da segurança e do bem-estar de seus trabalhadores, e uma das melhores formas de fazer isso é por meio da NR 35.

O curso sobre esta norma orienta os profissionais que executam tarefas em altura, como funcionários de uma obra, técnicos de manutenção de fios de postes, limpadores de fachadas de vidro, dentre muitos outros.

Para executar suas atividades diárias, eles se arriscam sob grandes alturas e precisam de toda a orientação possível sobre como evitar acidentes.

Além de proteger a vida desses trabalhadores, o curso de NR 35 melhora sua produtividade.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A importância da estética nos dias atuais

A importância da estética nos dias atuais

Passos para iniciar sua empresa de tecnologia

Passos para iniciar sua empresa de tecnologia