in , ,

Quais as especialidades da medicina veterinária?

Quais as especialidades da medicina veterinária

Entenda a divisão e saiba quais são as principais especialidades

A graduação em medicina veterinária prepara os profissionais para atuar de maneira geral nas necessidades dos animais, sejam eles de grande ou pequeno porte.

Mas você sabia que um médico veterinário também pode ter especialidades, assim como na medicina humana?

Isso porque é muito comum que algumas situações ou problemas de saúde exijam um cuidado específico, com exames mais aprofundados e tratamentos mais focados.  

As 8 principais especialidades da Medicina Veterinária

Assim como na medicina humana, a veterinária também conta com várias especialidades, visando atender da melhor maneira cada necessidade. As áreas também se dividem de maneira bem semelhante. 

No total, existem 20 especialidades reconhecidas pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV). São elas:

  1. cirurgia;
  2. patologia;
  3. acupuntura; 
  4. medicina felina; 
  5. diagnóstico por imagem;
  6. anestesiologia;
  7. clínica médica para pequenos animais;
  8. inspeção higiênica sanitária e tecnológica; 
  9. endocrinologia;
  10. medicina de animais selvagens;
  11. medicina intensiva;
  12. dermatologia;
  13. cardiologia; 
  14. oftalmologia;
  15. homeopatia;
  16. oncologia;
  17. medicina veterinária legal;
  18. medicina veterinária de coletivo;
  19. nefrologia e urologia; 
  20. nutrição e nutrologia. 

Além das especialidades, também existe a divisão entre médicos veterinários de animais de pequeno ou grande porte.

As 8 principais especialidades da Medicina Veterinária

Alguns veterinários também podem optar entre atender apenas cães ou apenas gatos, por exemplo. 

Isso porque além da especialidade em si, muitos focam em apenas uma espécie para conseguirem se especializar ainda mais. Acompanhe as 8 principais especialidades.

1. Cardiologia 

O cuidado com o coração e o sistema circulatório dos animais também exige uma especialidade. Problemas no coração são muito comuns entre os animais idosos, por isso é uma das especialidades mais procuradas. 

2. Fisioterapia

A fisioterapia também é uma especialidade muito buscada para animais que passaram por uma cirurgia, estão com algum problema de locomoção ou são muito idosos.

É uma área muito importante, pois promove bem-estar e pode aumentar a expectativa de vida dos animais. 

3. Endocrinologia

Você sabia que animais também podem ter diabetes e outros problemas relacionados aos hormônios?

Por isso existe a especialidade de endocrinologia, em que o médico veterinário acompanha o tratamento para que as doenças não tragam perdas ao bem-estar do animal. 

4. Odontologia

Animais de pequeno porte podem ter vários problemas envolvendo seus dentes, como má-oclusão, dentição dupla e problemas na gengiva.

O cuidado com os dentes do animal já exige atenção a mais e, nesses casos, é ainda mais importante ter um acompanhamento com um especialista em odontologia animal, para evitar dores e problemas com a alimentação. 

4. Odontologia

5. Oftalmologia

Os olhos dos animais são mais expostos que os dos humanos e, por isso, estão mais suscetíveis a problemas relacionados a eles.

É comum que muitos cães percam a visão mesmo quando jovens, tanto por conta de doenças (como diabetes) quanto por atrito.

Por isso, caso ocorra algo nesse sentido, é importante procurar um oftalmologista para que o tratamento seja o melhor possível. 

6. Oncologia

Uma das especialidades mais buscadas, o médico-veterinário focado em oncologia é quem acompanha o tratamento contra cânceres, tão comum em animais idosos.

Apesar de ser muito buscada, nem sempre é fácil encontrar um profissional focado apenas nisso, sendo que médicos de outras especialidades acabam estudando oncologia por conta do número de casos. 

7. Pediatria

A pediatria está focada nos cuidados com animais filhotes.

Apesar de ser bastante comum também entre os animais de pequeno porte (quando há alguma complicação na gestação ou parto), é mais utilizada nos animais de grande porte.

O intuito é promover o bem-estar animal nos primeiros dias de vida, principalmente na criação de gado. 

8. Comportamento animal

Apesar de não ser uma especialização em si, é muito comum que médicos veterinários também busquem conhecimento acerca do comportamento animal.

Assim, podem se tornar tanto adestradores como trabalhar com animais de resgate de maus tratos, por exemplo, para acompanhamento para problemas como ansiedade, agressividade, medo excessivo e outros pontos. 

Além dessas especialidades listadas, existem muitas outras.

Essa escolha é feita após a graduação, quando o profissional se forma clínico geral e depois decide se irá trabalhar com pequeno ou grande porte e em qual especialidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A importância das aulas de informática na educação

A importância das aulas de informática na educação

Principais tipos de projeto de arquitetura

Principais tipos de projeto de arquitetura