in ,

Passo a passo sobre como um curso de auxiliar de creche pode te ajudar

Passo a passo sobre como um curso de auxiliar de creche pode te ajudar

O auxiliar de creche tornou-se um profissional indispensável tanto para instituições de ensino, como para empresas dos mais diferentes tamanhos, principalmente para aquelas que oferecem creches ou berçários para cuidar dos filhos enquanto as mães trabalham.

Este profissional auxilia na rotina pedagógica, oferecendo apoio para o professor, para o aluno e para o ambiente como um todo.

Com a ajuda do auxiliar de creche, as crianças têm um melhor desempenho, assimilam melhor o conteúdo e recebem o apoio que precisam para evoluir suas aptidões, capacidade de raciocínio e intelectualidade.

Só que é preciso estar preparado para este trabalho, uma vez que somente levar jeito com crianças não é o suficiente.

Atualmente, as escolas, creches e boa parte das empresas estão fechadas por conta da pandemia do coronavírus, mas, em algum momento, com a abertura do comércio e instituições de ensino, elas vão precisar do auxílio desses profissionais.

Muitas crianças, principalmente as menores, precisarão passar por um período de readaptação, o que torna a presença do auxiliar de creche indispensável.

Mesmo em empresas que ofereçam espaço para os filhos dos funcionários, esses profissionais precisarão auxiliar nesse momento de recomeço.

Pensando nisso, neste artigo, vamos falar um pouco sobre as funções do auxiliar de creche, como se qualificar para esse trabalho e dar dicas de boas práticas para evoluir profissionalmente. Acompanhe a leitura!

Funções do auxiliar de creche

Crianças com idade entre 1 e 5 anos precisam de estímulos para aprender mais e melhor. Elas precisam ser instruídas em seu processo de educação por profissionais que além de ensinarem brincadeiras, possam acompanhar o desenvolvimento de sua personalidade.

É isso que faz das creches um ambiente propício para o desenvolvimento físico, mental e emocional das crianças, sendo também um lugar que oferece tranquilidade para os pais enquanto trabalham.

Aqui entra o papel indispensável do auxiliar de creche, que com a ajuda de alguns acessórios, como materiais didáticos, jogos educativos e uma mochila executiva feminina para guardar seus pertences, eles contribuem para a educação e o crescimento das crianças.

Esse trabalho envolve muitas tarefas que visam todo o suporte para as crianças, como o preparo da alimentação dos alunos, de acordo com um cardápio estipulado por um profissional nutricionista, para suprir suas necessidades.

Também cabe ao auxiliar acompanhar as crianças durante a refeição, promovendo a autonomia delas para lidar com o alimento. 

Além disso, é este profissional quem vai cuidar dos hábitos de higiene de bebês e crianças, ensinando-as a adquirir essas práticas.

São eles quem estabelecem, também, uma rotina de sono para os pequenos. Crianças que não dormem durante o dia ficam irritadas e improdutivas, e o auxiliar saberá estipular essa rotina de acordo com a idade dos alunos.

Eles também organizam materiais com etiqueta escolar menina e menino, para que eles aprendam a separar e distinguir o que é seu e o que é do outro.

O auxiliar de creche também está atento aos sintomas relacionados à saúde das crianças, comunicando pais e responsáveis, administrando medicamentos e, algumas vezes, encaminhando para hospitais, caso necessário.

Como uma extensão desse trabalho, também está a prevenção de acidentes e a prestação de socorro, de maneira adequada para preservar a vida e a integridade física das crianças.

Os auxiliares desenvolvem atividades que promovem vivências infantis ricas, que envolvam:

  • Seus sentidos;
  • Coordenação motora;
  • Desenvolvimento cognitivo;
  • Desenvolvimento afetivo;
  • Convivência social.

Funções do auxiliar de creche

É um profissional que atua como um modelo de bons hábitos, comportamentos e atitudes para os pequenos. 

Recomenda-se que seja habilitado para dirigir, por meio de CFC teórico e aulas práticas, apesar de não ser uma obrigatoriedade para a profissão.    

No entanto, podem auxiliar a instituição de ensino em outras necessidades, caso seja necessária a locomoção.

O auxiliar de creche também reforça para as crianças os conteúdos que elas vêm aprendendo, o que transmite mais segurança, estímulo e apoio para suas capacidades.

Também cabe a este profissional encontrar os melhores materiais e recursos tecnológicos que colaborem com as atividades e o desenvolvimento dos pequenos.

Isso é feito por meio de jogos, brincadeiras, atividades, literatura, música etc, sempre participando ativamente das dinâmicas de animação, dentro e fora do ambiente escolar.

Em atividades extracurriculares, como atividades físicas com bola, bicicleta para iniciantes e outros itens, o auxiliar de creche ajuda a promover a segurança e o desenvolvimento coordenativo da criança.Isso inclui, por exemplo, aquelas com necessidades especiais.

É um profissional que participa proativamente das atividades da instituição, sendo elemento fundamental da equipe educativa, garantindo total atenção à criança e sua família.

Assim, consegue expandir seu trabalho tanto em uma escola particular infantil quanto em diversos outros locais, onde sua presença torna-se indispensável.  

Como se qualificar para essa área?

Ao contrário do que algumas pessoas pensam, para atuar nessa profissão é necessário ter uma qualificação profissional, que pode ser realizada por meio de um curso específico para auxiliar de creche.

Está disponível na modalidade on-line, onde o aluno organiza sua carga horária, de acordo com as suas possibilidades. Sendo assim, a escolha fica a priori do profissional, bem como o momento em que ele vai finalizar o curso.

Assim como as aulas de piano vertical acústico, o curso de auxiliar de creche é legalizado pelo Ministério de Educação (MEC) e pelo Conselho Nacional de Educação.

É indicado tanto para pessoas que já atuam na área, incluindo pedagogos e alunos de pedagogia, como para pessoas que queiram começar a trabalhar na área, mas ainda não possuem formação.

Não existe uma idade mínima para fazer o curso, mas recomenda-se que a pessoa seja alfabetizada para acompanhá-lo melhor.

O objetivo do curso on-line é capacitar profissionais e pessoas de diversas áreas, por meio de conteúdos como:

  • Cuidados com o ambiente e com a criança;
  • Rotinas das creches;
  • Atividades para berçário;
  • A adaptação ao berçário e à creche;
  • Arte de contar histórias;
  • Entre muitos outros.

O curso possui diversos outros conteúdos, e o tempo de duração varia de 40 a 280 horas, a depender da instituição de ensino escolhida para o aprendizado. 

Isso é importante para o próprio aluno defina aquilo que deseja ou precisa aprender.

Boas práticas para a evolução profissional

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo, e para os profissionais que atuam em creches, como no caso dos auxiliares, não é diferente. 

Por conta disso, é importante investir em práticas para evoluir pessoalmente e se destacar profissionalmente.

O curso é um bom ponto de partida e vai diferenciar um profissional do outro, e quanto mais conhecimento a pessoa tiver, melhor. Isso também tem a ver com o comportamento e atitudes, o que torna o profissional mais atraente para o mercado.

Um funcionário de uma gráfica, por exemplo, se souber trabalhar melhor com envelope para imprimir, vai se destacar frente aos outros.

Na creche, o auxiliar que apoiar melhor os professores e alunos também. E isso pode ser feito por meio de ações como:

1 – Mudar a concepção de autoconhecimento

O autoconhecimento é indispensável para qualquer transformação, inclusive na carreira profissional. Esta prática permite enxergar limitações, capacidades, desenvolver a empatia e melhorar as relações interpessoais.

2 – Acompanhar os acontecimentos

É importante que o auxiliar de creche, assim como os demais profissionais, estejam por dentro de alguns conhecimentos gerais, como política, economia e tecnologia.

Esse conhecimento permite que o profissional tenha uma previsão melhor dos acontecimentos, incluindo ameaças e problemas que possam surgir para a carreira escolhida.

3 – Estar por dentro do mercado

Desde auxiliares de creche a fabricantes de persiana blecaute, além de ser importante estudar, é necessário estar por dentro do que acontece no mercado e também fazer análises.

Dessa forma, é possível estabelecer melhores conexões e relações com outros profissionais e empresas que atuam no mesmo setor.

4 – “Pensar digitalmente”

Os auxiliares de creche lidam com crianças em ambientes educacionais e precisam mais do que nunca incluir a tecnologia e a internet em seu dia a dia de trabalho.

Essa atitude vai melhorar as tarefas rotineiras e tornar o cotidiano mais prático, cômodo, levando mais facilidades para todos os envolvidos.

4 - “Pensar digitalmente”

Conclusão

Ser um auxiliar de creche, é mais do que saber cuidar de criança: é participar ativamente do dia a dia e do cuidado dos pequenos, acrescentando ao seu aprendizado e desenvolvimento.

Por meio de um curso de especialização e das práticas para evoluir profissionalmente, certamente você vai se destacar nesta área e descobrir o quão importante é esse trabalho.

Afinal, auxiliar a educação das crianças nessa fase de crescimento, é garantir um futuro melhor tanto para ela, quanto para suas famílias.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que faz um auxiliar de creche

O que faz um auxiliar de creche?

Pôquer entretenimento ou esporte

Pôquer: entretenimento ou esporte?