in ,

Principais linhas pedagógicas!

Principais linhas pedagógicas!

Escolher a metodologia educacional para os filhos é uma das maiores responsabilidades dos pais; conheça as linhas aplicadas no Brasil e suas diferenças.

Educar uma criança é uma ação coletiva. Para além do dia a dia com pais, irmãos, familiares, amigos e vizinhos, uma criança é profundamente impactada pela educação formal que recebe na escola.

Por isso, escolher a escola das crianças vai além apenas da distância e do preço (no caso das particulares): é essencial analisar a linha pedagógica que a escola segue com seus alunos.

O conceito de linha pedagógica aborda basicamente o projeto pedagógico apresentado durante os anos de ensino e a metodologia utilizada para ensinar os alunos.

Conforme as prioridades da linha pedagógica, a escola pode seguir diferentes formas de educar e ensinar.

Muitas podem se utilizar de métodos mais tradicionais, como a aplicação de provas e testes, enquanto outras priorizam o uso de ferramentas lúdicas, como um brinquedo pedagógico.

Ainda, muitas escolas combinam uma ou mais linhas para aproveitar os principais benefícios das linhas.

Está na dúvida de como escolher a escola mais adequada para seu filho ou sua filha?

Abaixo, veja as sete linhas pedagógicas aplicadas com mais frequência nas instituições do Brasil e, com esse conhecimento, selecione a escola mais condizente com a sua prioridade de educação para as crianças.

Construtivista

A base da educação construtivista está na autonomia do aluno. A ideia é ensinar o educando a construir seu próprio conhecimento, por isso o nome da linha.

Na escola, ele irá “aprender a aprender”.

Dessa forma, mesmo após sua formação básica, ele terá as ferramentas psicológicas necessárias para adquirir outros conhecimentos ao longo da vida, mantendo-se em formação contínua. 

Freiriana

A linha recebe esse nome por sua base na pedagogia do educador Paulo Freire.

O foco da metodologia é transmitir o conhecimento ao aluno de forma libertadora e crítica para que ele se torne um sujeito capaz de compreender o mundo, interagir com ele e transformá-lo.

Na linha, professores e alunos têm uma relação mais horizontal do que em outras metodologias.

Freiriana

Waldorf

Marcado por uma visão holística, isto é, que aborda diferentes aspectos da vida, o método Waldorf é chamado assim por ser aplicado primeiramente em uma instituição onde estudavam filhos de operários da empresa Waldorf-Astoria.

A metodologia holística traz uma educação que busca unir e relacionar os elementos emocionais, físicos e espirituais da educação.

Dessa forma, fazem parte dele não apenas os conteúdos oficiais, mas também matérias como linguagem, trabalhos manuais e música.

Montessoriana

Focado em ensinar por meio da observação e da experiência prática do próprio aluno, a linha pedagógica Montessoriana foi desenvolvida pela educadora, médica e pedagoga Maria Montessori.

O professor é responsável por orientar e guiar o educando, utilizando principalmente estímulos diversos, relacionando atividade, liberdade e individualidade.

Comportamentalista

Baseada na teoria behaviorista do psicólogo John B. Watson e aplicada pelo psicólogo Burrhus Frederic Skinner, a linha comportamentalista é focada no processo, no material utilizado e no aprendizado técnico.

Sua metodologia estimula o aluno a adquirir determinados comportamentos por meio de estímulos e recompensas.

O professor tem papel de controlar o tempo e as respostas do aluno, em uma dinâmica de retornos rápidos.

Comportamentalista

Democrática

Com uma perspectiva baseada nas ideias de igualdade e liberdade, a linha pedagógica democrática é também chamada de pedagogia libertária.

É focada na responsabilidade das relações coletivas e na construção do espaço comum e permite que o aluno escolha a forma como aprenderá os conteúdos.

Tradicional

Por fim, a linha pedagógica mais conhecida e aplicada no Brasil é a tradicional, também chamada de “conteudista”.

Baseia-se na ideia de que o professor detém o conhecimento e o transmite ao aluno de maneira mais uniforme e sistematizada.

Costuma voltar-se à memorização do conteúdo e apresenta maior foco na formação necessária para ingressar em cursos técnicos ou de graduação, no início da idade adulta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marketing x Vendas Entenda essa junção para bons resultados

Marketing x Vendas: Entenda essa junção para bons resultados

Paisagismo e sua valorização dos imóveis

Paisagismo e sua valorização dos imóveis