in

Programação orientada a objetos em JavaScript

Programação orientada a objetos

O JavaScript é uma das linguagens de programação que mais vem se popularizando nos últimos tempos, e quem tem o pensamento de que ela só é utilizada para deixar as páginas web “animadas” está muito enganado. Hoje, com a ajuda dos inúmeros frameworks que a linguagem possui à disposição, ela se tornou uma ferramenta de programação poderosíssima e pode ser usada em todos as camadas de um software.

Parte dessa popularidade vem por conta do framework Node.js, que permite que o código JavaScript seja executado do lado do servidor, sem depender diretamente de uma página web. Isto aliado com o fato de que é uma linguagem amigável para iniciantes e ainda assim extremamente completa e eficiente, faz com que ela seja uma das skills mais procuradas no mercado de trabalho atualmente, mesmo sendo uma linguagem funcional que não está inteiramente otimizada para orientação a objetos.

Com tantas vantagens, é natural que programadores mais experientes que já sabem o que é programação orientada a objetos também estejam desenvolvendo um certo interesse pela linguagem e se perguntem se é possível utilizar este paradigma de programação dentro do JavaScript.

A linguagem javascript por si só tem suporte a alguns conceitos da orientação a objetos, como classe, por exemplo. Porém é visível que para projetos maiores e mais complexos, muitas funcionalidades deixam a desejar, como por exemplo a falta de tipagem, modificadores private, public, e por aí vai… Mas isso não quer não haja alternativas para estas situações.

TypeScript

Uma das ferramentas mais interessantes que auxiliam na resolução deste problema é o TypeScript. O TypeScript é uma linguagem de programação desenvolvida pela Microsoft que adiciona algumas opções para deixar o JavaScript um pouco mais “restrito” e próximo de linguagens fortemente tipadas como C# e Java, por exemplo. Além disso, o TypeScript também conta com uma série de ferramentas para detecção de erros de interpretação, funcionalidade não disponível por padrão no JavaScript, e que ajuda desenvolvedores a perderem menos tempo na hora de escrever e testar um código.

TypeScript

Com isso, é possível observar que diversas bibliotecas grandes e conhecidas disponíveis para a linguagem JavaScript, como por exemplo a biblioteca AWS-SDK, que reúne todos os serviços disponíveis na plataforma Amazon Web Services, possui diversos módulos escritos em TypeScript, já que é uma ferramenta que agrada muitos desenvolvedores e combina a simplicidade do JavaScript com a robustez e restrição de uma linguagem fortemente tipada.

É natural que, por se tratar de uma linguagem de programação diferente, algumas pessoas fiquem preocupadas quanto à execução do código em TypeScript. Por exemplo, o código tem a capacidade de funcionar corretamente em todos os ambientes que o JavaScript funciona? E a resposta direta é sim!

Isso ocorre porque na realidade o código que será executado ainda é JavaScript! Acontece que o código escrito em TypeScript após ser validado é convertido para JavaScript puro, fazendo com que seja possível executá-lo em qualquer lugar que originalmente tenha suporte para JavaScript. O TypeScript é, portanto, apenas uma facilidade para o programador, ajudando-o no processo de estruturação e manutenção do código.

Portanto, é uma ótima pedida para quem quer utilizar a linguagem JavaScript de maneira mais estruturada sem abrir mão de todas as suas facilidades. Além disso, a curva de aprendizado para se familiarizar com TypeScript é pequena, visto que a base da sintaxe da linguagem é bem parecida com o JavaScript e segue a mesma lógica de execução da linguagem.

Vale lembrar que alguns dos frameworks mais famosos de JavaScript voltados para front-end, como React, Angular, Vue, entre outros… Também possuem suporte para TypeScript, o que faz com que a opção seja recomendada não só no back-end, mas no projeto como um todo

Ficou curioso? Para saber mais sobre o que é programação orientada a objetos Você pode dar uma olhada no site oficial do typescript para conferir conferir a documentação completa, além de tutoriais de como baixá-la e utilizá-la no seu projeto pessoal ou profissional!

Você gostou?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

o que é educação ambiental qual sua finalidade

O que é Educação Ambiental? Qual Sua Finalidade?

Como Fazer uma Boa Redação

Como Fazer uma Boa Redação? 5 Dicas!