in , , ,

QR code: o que é e para que serve?

QR code o que é e para que serve

O QR Code é uma importante ferramenta no mundo digital, que tem ganhado cada vez mais espaço no mercado por sua praticidade e a variedade de ações que pode ser realizada com ele.

Criada em 1994, essa linha de códigos teve recentemente um grande aumento em seu uso, principalmente pela popularização de leitores do código em smartphones.

A sigla vem de Quick Response Code, que é o inglês para “código de resposta rápida”. Ele nada mais é do que uma espécie de evolução do código de barras, uma vez que a premissa é a mesma. Ainda assim, o QR Code tem muito mais funcionalidades.

Sua criação se deu no Japão, em uma montadora de carros que precisava de um modo de catalogar as peças disponíveis em estoque, dessa forma, organizando com eficiência todo o estoque.

Logo, outras funcionalidades começaram a ser pensadas para a peça, o que acabou gerando um interesse muito grande de explorar essa tecnologia.

Hoje, o QR Code é utilizado para uma série de conteúdos, desde a apresentação de informações relevantes até ofertas e conteúdos especiais para clientes de empresas que utilizam a ferramenta.

Até mesmo um mini hambúrguer artesanal pode ser apresentado no restaurante com um QR Code, com suas especificações e até mesmo a receita.

Como se deu a sua popularização?

O código QR possui uma alta capacidade de armazenamento de dados, o que acaba gerando um interesse muito grande da parte da maioria das empresas no mercado.

Além disso, por ser um código visual, basta que ele seja lido por um dispositivo adequado para ser acessado.

Isso significa que com apenas um toque em seu smartphone, você é direcionado para a fonte da qual o QR Code está guardando.

Esse tipo de ação elimina a necessidade de digitação ou de inserção de outros códigos quando você está interagindo com um determinado meio.

Entretanto, sua popularização começou ao aplicar o código para gerar conteúdo extra. Era muito comum as pessoas receberem flyers com um QR Code com as informações mais detalhadas do que o papel não conseguia passar.

Dessa forma, já era possível identificar as vantagens da funcionalidade do código, ainda que não fosse necessariamente bem aplicado. Isso porque ainda estava iniciando a tecnologia, o que gerava um problema para sua aceitação.

O conteúdo ao qual o usuário acessava através do QR Code ainda era muito cru, amador. Por conta disso, era um fator comum que as pessoas ignorarem o código e, caso não obtivessem todas as informações no panfleto inicial, ignoraram a proposta.

Dentro de suas funcionalidades, o código QR começou a se espalhar e ser utilizado das mais variadas maneiras, incluindo como um apoio da mídia tradicional através de anúncios e promoções de TV.

Então, até mesmo um cardápio marmita fit congelada passou a ser facilmente encontrado com um QR Code na entrada do estabelecimento.

Além disso, outras áreas além da publicidade e marketing começaram a usar os QR Codes como uma maneira de compartilhar informação e desenvolver melhor um conteúdo.

Inclusive alguns museus começaram a colocar descritivos de obras utilizando estes códigos, para facilitar a interação com as obras.

Utilização de QR Codes

Algumas das principais funções da utilização dos QR Codes têm sido exploradas com muito afinco por diversas empresas, como gráficas de calendário personalizado com fotos, que utilizam a tecnologia para os mais variados fins. 

Nos dias atuais, existem muitas possibilidades por conta de sua popularização.

Por isso, entender os principais elementos para os quais o QR Code pode ser útil permite que uma companhia utilize a ferramenta com muito mais qualidade, compreendendo todas as opções que o mercado pode oferecer.

Utilização de QR Codes

1 – Transações financeiras

O QR Code é uma excelente ferramenta para agilizar o processo de pagamento de seu empreendimento. 

Ele pode ser utilizado de diversas maneiras, tanto para a geração de boletos quanto para pagamentos online ou transferências bancárias, sendo necessário apenas um notebook escritório.

Com o advento recente do Pix, é possível fazer uma transferência quase que imediatamente usando o QR Code do receptor. Por conta disso, muitas empresas têm adotado esta como a principal forma de pagamento para suas transações. 

O QR Code também tem a capacidade de enviar seus consumidores para a página de checkout sem que eles precisem passar por grandes dificuldades, o que pode ser muito benéfico para evitar problemas, como a taxa de abandono de carrinho.

Quando lidamos com uma transação online, o maior problema são estas situações.

Muitas vezes, o consumidor coloca todos os itens que deseja no carrinho, se prepara para fechar a compra mas acaba desistindo, em grande parte por dificuldades em encerrar o cadastro.

Através do QR Code, você pode enviá-lo diretamente para o momento do pagamento, evitando uma série de complicações e conseguindo garantir a conversão em venda.

2 – Controle de estoques

A função original do código QR ainda se beneficia muito deste recurso em particular.

É possível identificar uma série de elementos importantes para conseguir aproveitar o código, sobretudo com relação a informações de controle. Através do QR Code, é possível obter informações como:

  • Descritivo do produto;
  • Lote de fabricação;
  • Prazo de validade;
  • Quantidades disponíveis.

Em casos de estoques grandes, que precisam de equipamentos para o controle, é crucial ter o máximo possível de informações disponíveis com frequência. Dessa forma, você consegue garantir muito mais tranquilidade na estrutura da empresa.

Além disso, o processo de estocagem com a utilização de QR Codes se torna muito mais ágil, com as informações sendo imediatamente encontradas para conseguir utilizar de maneira mais assertiva.

Inventariar seu estoque também deixa de ser um problema. Esse processo é extremamente relevante para um negócio conseguir manter um controle melhor sobre como sua empresa utiliza os recursos disponíveis, e normalmente, leva um bom tempo.

Por isso, o inventário pode se tornar uma tarefa complicada, uma vez que você deve identificar quantidades e a qualidade de cada item em sua empresa. Com os QR Codes, é muito mais fácil utilizá-los.

3 – Etiquetas interativas

O QR Code é uma excelente maneira de aproveitar melhor suas embalagens. Muitas vezes, principalmente em produtos de tamanho pequeno, o excesso de informações técnicas do produto acaba deixando a embalagem poluída.

Esse tipo de recurso pode ser facilmente resolvido através de uma ferramenta de código. Logo, um rótulo alimentar com QR Code ocupa muito menos espaço.

Assim, você pode colocar apenas o que for realmente necessário na embalagem, com um QR Code levando o consumidor a conhecer mais sobre o produto.

3 - Etiquetas interativas

Além de tornar mais bonita e funcional a embalagem do produto, você ainda cria uma oportunidade de apresentar melhor a marca. Isso porque as informações técnicas também podem levar seu cliente diretamente para o site da empresa.

Dessa forma, além de acessar todas as informações necessárias para identificar os dados do produto, o consumidor ainda terá acesso a seu site pessoal, onde pode conhecer novos produtos e serviços e ter novas experiências, principalmente se a primeira foi positiva.

4 – Transmissão de informações

Os QR Codes são peças chave para a transmissão dos mais variados tipos de informações. Por conta disso, são muito utilizados em eventos e outros espaços com grandes quantidades de público, sobretudo em feiras e ambientes corporativos.

Através do QR Code, você pode encaminhar as pessoas para mapas interativos que identifiquem onde elas estão, além de dar detalhes sobre informações e até mesmo um calendário de atividades futuras.

No ambiente corporativo, até mesmo um crachá para bater o relogio de ponto digital pode ser utilizado em união com o QR Code.

A maioria das pessoas hoje em dia possui um smartphone, e está constantemente conectada. 

Por isso, estes códigos acabam sendo muito úteis para conseguir criar um ambiente que além de ser digital e muito mais simples de lidar, pode conquistar novas funcionalidades.

Por esse motivo, mesmo uma catraca de acesso pode ter uma funcionalidade maior quando você aplica ferramentas relacionadas ao QR Code para isso.

5 – Experiência do cliente

O perfil do consumidor atual mudou muito de um tempo para cá. Hoje, o cliente é uma figura exigente, uma vez que possui informações e conteúdo o tempo todo. 

Por isso, é importante pensar em como você pode criar uma experiência satisfatória do cliente em sua aplicabilidade.

O primeiro passo é utilizar o QR Code para apresentar novos conteúdos e integrar melhor o cliente. Além disso, é possível utilizar os códigos como uma forma de iniciar um atendimento em uma sala de reunião escritório, por exemplo.

Assim, sempre que o consumidor precisar se comunicar diretamente com sua equipe de atendimento, ele utilizará o código e conseguirá usar com mais tranquilidade os recursos de comunicação que você deixar disponíveis.

Considerações finais

O QR Code é uma ferramenta imprescindível no mundo atual. Sua rapidez de reconhecimento e versatilidade o colocam no topo dos mecanismos de apoio para o consumo de produtos da internet.

Por isso, é fundamental compreender todas as possibilidades que este poderoso código possui, bem como formas de explorar todo o conceito que ela apresenta enquanto apoio de informação.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LGPD o que é

LGPD: o que é?

Presença digital entenda a importância para o crescimento da sua empresa

Presença digital: entenda a importância para o crescimento da sua empresa