in

YouTube Shorts: o que é e usar na sua estratégia

YouTube Shorts o que é e usar na sua estratégia

As novas plataformas de conteúdo têm ganhado cada vez mais espaço, e as antigas têm se adaptado às mudanças correntes do mundo digital. De entre estas, a YouTube Shorts é uma das que mais tem se destacado.

É certo que uma empresa do porte do YouTube vem reinando soberanamente no segmento de vídeos há muitos anos.

Contudo, o mercado é implacável e, portanto, até mesmo as empresas desse calibre precisam se adaptar às novas tendências de produção digital.

Assim como as plataformas de vídeo trouxeram novos paradigmas para os produtores de conteúdo, e essas novas perspectivas acabam, de forma cíclica, impactando elas mesmas.

Ou seja, para novos paradigmas, novas atitudes precisam ser tomadas, e foi exatamente o que o YouTube fez com a sua perspectiva de shorts.

Antes mesmo da consolidação dessa ferramenta, os canais já estavam fazendo vídeos mais encurtados e breves.

É muito comum encontrar podcasts imensos completamente cortados em pequenas falas pela plataforma.

Nesse sentido, por exemplo, em um conteúdo longo sobre tratamento de pets, é possível ser gerado um corte sobre o veterinário para aves.

Acima de tudo, isso ocorre por conta da alta demanda por segmentação que essas plataformas enfrentam.

Ou seja, há aí um conteúdo bastante segmentado, mas é preciso ir além e, se possível, direcioná-lo da forma mais específica possível.

Portanto, é importante entender quais são as vantagens dos vídeos curtos com uma alta segmentação.

  • Posicionamento;
  • Interação;
  • Direcionamento;
  • Reconhecimento.

É certo que há uma variedade gigantesca de possibilidades que a segmentação pode trazer para uma marca. Contudo, é importante focar em algumas delas.

A primeira delas é o posicionamento que se pode obter frente a um público específico que comunga dos valores da marca.

Uma clínica cirúrgica, por exemplo, pode compreender a necessidade de seu público e fazer um conteúdo direcionado para postectomia laser.

Esse tipo de postagem, por ser específica, tem uma grande capacidade de gerar interações do usuário com a marca.

Isso se dá, sobretudo, por conta do sentimento que aquele cliente terá ao ter uma de suas questões resolvidas de forma tão precisa.

Esse direcionamento comunicacional faz com que o público se sinta contemplado de forma pessoal como se aquilo tivesse sido dito para ele.

Outro ponto que isso pode gerar é o reconhecimento instantâneo daquela marca em um segmento.

Por exemplo, há uns anos ficaram famosos alguns memes sobre os benefícios, embasados cientificamente, que um filtro de agua de barro poderia trazer.

Essa é uma perspectiva mais generalizada, mas se a empresa em questão quiser especificar algum conteúdo para falar com esse público, a capacidade de reconhecimento será grande.

O que é YouTube Shorts?

As vantagens de se adotar um conteúdo direcionado são infinitas, e o YouTube traz algumas facilidades nesse sentido.

Por essa razão, entender quais são as inovações que ele tem disponibilizado é de suma importância.

Afinal de contas, o que está sendo tratado, nesse sentido, é uma empresa que tem mais de 17 anos no mercado.

Reinando soberanamente no mercado de produção de conteúdos em vídeos, o YouTube tem atraído cada vez mais usuários.

Hodiernamente, as tendências das redes sociais são sucessivas, e seus aspectos são mais dinâmicos, mas houve um período em que essa plataforma era apenas um depósito de vídeos.

Com o advento das televisões inteligentes, entretanto, ela se tornou uma espécie de um novo paradigma de consumo em detrimento da televisão.

O que é YouTube Shorts?

Contudo, ainda falando sobre a lógica mobile, o YouTube tem tomado algumas medidas para concorrer de forma mais ampla com essas redes que oferecem conteúdo mais efêmero e breve.

O ponto mais importante a ser levantado é justamente a criação do YouTube Shorts para os usuários.

Essa é uma experiência que se baseia em aplicativos concorrentes para o posicionamento dessa empresa.

Ou seja, a partir de vídeos curtos e verticais, o YouTube concebeu uma nova dinâmica de consumir vídeos em sua plataforma.

Nesse sentido, uma empresa que faz aluguel de andaimes e produz conteúdo sobre o tema, agora consegue atingir seu público também a partir de vídeos curtos.

Do ponto de vista empresarial, essa ferramenta trouxe uma série de vantagens, por isso é fundamental entender como aplicá-la.

Como aplicar?

Certamente, muitas pessoas conhecem as dinâmicas de postagens de vídeos no YouTube. Isto é, a partir de um cadastro do Google é possível acessar uma conta e fazer o upload no vídeo.

Contudo, as dinâmicas do YouTube Shorts são um pouco mais facilitadas, uma vez que ela, a plataforma, propõe-se a ter funcionalidades concorrentes com determinadas redes sociais.

Essa modalidade diz respeito a formatos de vídeos compatíveis com o layout das telas dos smartphones.

Então, se o usuário estiver acessando por uma televisão, por exemplo, é possível que o conteúdo possua duas faixas pretas do lado.

Além disso, esse conteúdo está relacionado a vídeos que estão entre 15 e 60 segundos para serem considerados pela plataforma.

Sendo assim, uma empresa de móvel corporativo que estiver querendo mostrar as suas novidades, precisa ser concisa.

Outro ponto interessante é que a própria plataforma disponibiliza mecanismos de edição, e graças a isso fica mais fácil produzir conteúdo

Por meio de um layout simplificado, o usuário poderá adicionar filtros, modificar a velocidade do áudio e do vídeos e, também, adicionar sons de fundo.

Logicamente, esses recursos são específicos para quem deseja utilizar a linguagem da plataforma para se comunicar.

Em caso de vídeos mais complexos, é necessária, ainda, a adoção de editores de alto padrão.

Uma clínica para fazer exame demissional que faz um conteúdo de consultoria para trabalhadores no YouTube pode utilizar recursos mais complexos para a postagem de vídeos longos e, também, fazer o uso mais casual da ferramenta de shorts.

As possibilidades são infinitas e precisam ser muito bem pensadas pela empresa que deseja adotar.

YouTube Shorts e o marketing

É certo que as equipes de marketing precisam se atentar às tendências a que o mercado se submete ou a que ele mesmo promove.

Por isso, seguir algumas dicas para a implementação do YouTube Shorts é fundamental para seguir.

Conhecer o público

Conhecer o público é o recurso utilizado por qualquer estratégia de marketing e isso significa que, se a empresa já possui um canal, esse reconhecimento já foi feito.

Contudo, é preciso ir além. Pode ser que o tipo de conteúdo que o público esteja procurando na marca tenha que ser mais aprofundado, e isso pode significar que a estratégia de shorts pode ficar como um complemento.

No entanto, um canal de receitas, por exemplo, pode utilizar receitas rápidas de bolinho de mussarela para atrair novas inscrições.

Por isso, é preciso entender cada aspecto das aspirações que o público possui no consumo de um determinado canal.

Conhecer o público

Atenção nos primeiros segundos

Outro ponto que vale para vídeos longos e curtos é a adoção de mecanismos que prendem a atenção.

Só que nesse caso há uma série de fatores que convidam o usuário a avançar para o próximo conteúdo.

O primeiro deles é que, com apenas uma rolagem de timeline, o usuário pode se deliciar com mais um vídeo que o algoritmo ofereceu sob medida.

Por isso, os primeiros segundos precisam ser atrativos o suficiente e gerar curiosidade para que seja possível terminar o vídeo.

Uma loja que vende squeeze 1 litro personalizado, por exemplo, precisa mostrar os benefícios daquele produto de forma muito sucinta logo de cara.

Tutoriais

Essa é uma dica de ouro para todos que querem prender a atenção em um determinado conteúdo, afinal de contas as pessoas gostam de ver até o final esse tipo de conteúdo.

Pode até ser que aquilo não seja de seu interesse, mas o tutorial tem a capacidade de fazer o usuário seguir até o final do vídeo por curiosidade.

Por isso, apostar nesse tipo de conteúdo para o YouTube Shorts pode garantir um avanço muito significativo nessa estratégia.

Porém, é preciso que todos os itens citados acima sejam considerados para que essa estratégia consiga obter os resultados que a empresa está esperando.

Considerações finais

Há uma série de inovações que o mercado digital impõe e, por essa razão, as equipes de marketing precisam estar atentas.

Nesse caso, o YouTube Shorts surgiu como uma forma de facilitar o acesso a conteúdo mais breve na plataforma.

Portanto, existe uma série de vantagens de adotar essa ferramenta, sobretudo em se tratando de uma perspectiva empresarial.

O primeiro ponto a ser apontado sobre a sua aplicação em uma metodologia de marketing é, justamente, o reconhecimento do público.

Esse ponto é essencial, uma vez que é só a partir dele que é possível perceber se essa estratégia terá adesão ou não.

Além disso, entender como capturar a atenção nos primeiros segundos é essencial, uma vez que a plataforma incita, quase sempre, o usuário a proceder ao próximo conteúdo.

Por fim, a dica de ouro para quem pretende prender a atenção é, nesse sentido, a produção de tutoriais.

Isso se dá pela grande capacidade que eles têm de gerar curiosidade em um público-alvo determinado.

O YouTube Shorts, portanto, é uma plataforma de grande potencial e que precisa ser considerada por todos aqueles que desejam posicionar uma marca ou até mesmo o seu próprio conteúdo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Stories do Instagram como divulgar um produto para aumentar as vendas

Stories do Instagram: como divulgar um produto para aumentar as vendas

qual_a_importância_da_gestão_comercial

Qual a importância da gestão comercial?